Mercados abrem mais aliviados, com ensaio de recuperação

Os mercados brasileiros abriram mais aliviados hoje e, pelo menos na abertura, estão devolvendo parte das fortes perdas de ontem. Àsa 10h48, o dólar recuava 1,05%, para R$ 3,107, enquanto a Bovespa subia 3,75% e os juros futuros operavam em baixa na BM&F. Esta abertura mais suave reflete o desempenho geral dos mercados no Brasil e, sobretudo, no Exterior. As bolsas sinalizam recuperação depois das fortes perdas de ontem. As ações estão em alta na Europa e os futurosde Nova York indicavam valorização de 0,61% no Nasdaq e de 0,50% no S&P por volta das 10 horas. O petróleo recua mais um pouco e o juro da T-Note americana de 10 anos estava em 4,77% instantes atrás, ante 4,79% no fechamento de ontem. Os títulos da dívida estão abrindo em alta e o risco Brasil, que fechou ontem em 808 pontos, recua para 771 pontos.Esta melhora geral pode sugerir que o mercado está encontrando um ponto de estabilização após o forte de ajuste dos últimos dias. Mas o mercado continua cauteloso e tudo vai depender da evolução do quadro externo, principalmente das expectativas em relação aos juros nos Estados Unidos. Veja a cotação do dólar e como está a Bovespa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.