Mercados: atenção com cenário externo continua

O mercado financeiro no Brasil começa a semana novamente atento ao ritmo da desaceleração da economia norte-americana. Internamente, o controle da inflação e das contas externas, além das boas perspectivas de crescimento para a economia do País abririam espaço para uma recuperação dos negócios nos mercados. Mas as incertezas quanto ao cenário externo ainda têm forte influência sobre as operações. A Bolsa de Valores opera em leve queda de 0,04%. O dólar comercial está cotado a R$ 1,9920 na ponta de venda dos negócios - alta de 0,20% em relação aos últimos negócios de sexta-feira. Os contratos de juros de DI a termo - que indicam a taxa prefixada para títulos com período de um ano - começam o dia pagando juros de 15,800% ao ano, frente a 15,700% ao ano registrados na sexta-feira. Tanto no cenário externo quanto interno, serão divulgados números que devem atrair a atenção dos investidores hoje. Nos Estados Unidos, saem os números sobre obras de imóveis residenciais concluídas em dezembro e o índice de atividade fora do setor industrial da Associação Nacional dos Gerentes de Compras (NAPM). São importantes pois indicam o ritmo do desaquecimento da economia dos Estados Unidos. No Brasil, hoje, saem os primeiros números da balança comercial de fevereiro. O resultado é referente aos dois primeiros dias úteis. O mercado financeiro estará atento para verificar se o mau desempenho de janeiro foi apenas pontual ou se indicou uma tendência. Veja as perspectivas para a semana no mercado financeiro no link abaixo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.