coluna

Dan Kawa: Separar o ruído do sinal é a única forma de investir corretamente daqui para a frente

Mercados: Bolsa fecha em queda e dólar recua

O relatório de inflação divulgado pelo Banco Central (BC) e uma pesquisa realizada pelo instituto GPP a pedido do PFL foram os destaques no mercado financeiro nesta quarta-feira. Ambas as notícias reduziram o otimismo dos investidores, que nos últimos dias aproveitaram a ausência de notícias negativas reagindo de forma positiva.A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou com queda de 1,07% - em 13,424 pontos, o patamar mínimo do dia. O volume de negócios ficou um pouco acima de R$ 512 milhões. As maiores baixas no Ibovespa - índice que mede a valorização das ações mais negociadas na Bovespa - foram as ordinárias (ON, com direito a voto) da Embraer (-6,41%), as preferenciais (PN, sem direito a voto) da Embraer (-5,74%), Tele Nordeste Celular PN (-5,74%), Tele Celular Sul Participações (-4,69%), Embratel Participações PN (-3,60%).No mercado de juros, os contratos de DI futuro com vencimento em outubro, negociados na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F), encerraram o dia com taxas de 18,230% ao ano, frente a 18,330% ao ano negociados ontem. O mercado cambial foi favorecido pelo fluxo positivo. O dólar comercial fechou cotado a R$ 2,3240 na ponta de venda dos negócios, com queda de 0,94% em relação aos últimos negócios de ontem.A pesquisa do GPP mostrou crescimento do candidato do PT, Luiz Inácio Lula da Silva, com 30,8% das intenções. Na pesquisa anterior, Lula estava com 28,1% das intenções de voto. O segundo lugar está praticamente indefinido. O presidenciável do PSDB, José Serra, tem 15,1% das intenções de voto; a candidata do PFL, Roseana Sarney, tem 14%, empatada com o candidato do PSB, Anthony Garotinho.Já o relatório de inflação divulgado na manhã de hoje pelo Banco Central (BC) reforçou para o mercado o sentimento de que a política monetária continuará sendo conduzida de maneira conservadora. O documento dá conta de que a projeção do BC para o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) no ano, considerando o nível atual da Selic, a taxa básica de juros da economia, em 18,5%, é de 4,4%. O IPCA é usado como referência para a meta de inflação, que neste ano é de 3,5%, com margem de tolerância de dois pontos porcentuais para cima ou para baixo. O cumprimento desta meta é determinante para a definição da política monetária.Mercados internacionaisNos Estados Unidos, o Dow Jones - Índice que mede a variação das ações mais negociadas na Bolsa de Nova York - fechou em alta de 0,71%, e a Nasdaq - bolsa que negocia ações de empresas de alta tecnologia e informática em Nova York - registrou alta de 0,14% no encerramento dos negócios. Na Argentina, o índice Merval da Bolsa de Valores de Buenos Aires terminou o dia em queda de 0,43%. Segundo apurou a correspondente Marina Guimarães, a cotação do dólar nas casas de câmbio fechou em 2,75 pesos para a compra e 2,85 pesos para a venda ante 3,00 pesos (compra) e 3,10 pesos (venda), ontem, registrando queda de 8,06% na cotação de venda. Não deixe de ver no link abaixo as dicas de investimento, com as recomendações das principais instituições financeiras, incluindo indicações de carteira para as suas aplicações, de acordo com o perfil do investidor e prazo da aplicação. Confira ainda a tabela resumo financeiro com os principais dados do mercado.

Agencia Estado,

27 de março de 2002 | 18h25

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.