Mercados começam semana em clima de cautela

O mercado financeiro no Brasil começa a semana em clima de cautela atento aos últimos acontecimentos na Argentina. O ministro da Economia, Jorge Remes Lenicov, anunciou ontem à noite medidas econômicas que já eram esperadas desde o final da semana passada. Além disso, confirmou o feriado bancário e cambial nesta segunda e terça-feira.Entre as mudanças, Lenicov anunciou a pesificação - conversão para pesos - de todas as dívidas bancárias na proporção de um peso para um dólar; a pesificação dos depósitos em dólares na proporção de um dólar para 1,40 peso; e a livre flutuação da moeda. Para compensar os bancos pela pesificação das dívidas e depósitos, Lenicov anunciou a emissão de um bônus do governo, o que terá impacto na dívida do país - um aumento em torno de US$ 16 bilhões. Com os negócios paralisados até terça-feira na Argentina, o clima de cautela no mercado financeiro no Brasil deve ser ainda maior. Isso porque não se sabe como o peso vai oscilar a partir da livre flutuação da moeda, como será a reação da população argentina com a flexibilização dos saques bancários e qual será a trajetória da inflação. Veja mais informações sobre a Argentina nos links abaixo.Na abertura dos negócios no Brasil, o dólar comercial está cotado a R$ 2,4210 na ponta de venda dos negócios, com alta de 0,46% em relação aos últimos negócios de sexta-feira. A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) opera com queda de 0,97%. Os contratos de juros de DI a termo - que indicam a taxa prefixada para títulos com período de um ano - pagam juros de 19,14% ao ano, frente a 19,10% ao ano na sexta-feira.Não deixe de ver no link abaixo as perspectivas para a semana no mercado financeiro e as dicas de investimento, com as recomendações das principais instituições financeiras, incluindo indicações de carteira para as suas aplicações, de acordo com o perfil do investidor e prazo da aplicação. Confira ainda a tabela resumo financeiro com os principais dados do mercado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.