Mercados da Ásia fecham em alta apesar de queda do dólar

As bolsas de valores da Ásiaencerraram em alta nesta terça-feira, com ações de companhiasexportadoras desconsiderando a valorização do iene para o maiornível em dois meses contra o dólar. Apesar disso, papéis dosetor de tecnologia, como Samsung Electronics, recuaram apósresultados fracos de uma grande rival norte-americana. Operações nervosas com ações e nova fraqueza do dólarimpulsionaram investimentos mais seguros como o ouro emotivaram alta nos futuros dos bônus do governo japonês e dotesouro dos Estados Unidos. O dólar, influenciado por persistentes preocupações sobre osetor de empréstimos imobiliários de alto risco nos EUAdevolveu a maior parte dos ganhos modestos de segunda-feira erecuou contra o iene e o euro. A bolsa de TÓQUIO fechou em alta de 0,21 por cento, a18.002 pontos, apoiada por rali nas ações da telefônica KDDI .Exportadores como a Sony e Canon registraram alta após brevequeda ocorrida depois que investidores decidiram que o ieneainda está um pouco abaixo do ponto limite de aceitação. "Muitas empresas assumiram uma taxa dólar/iene de 115 ienesquando fizeram suas estimativas", disse Shinji Igarashi,gerente de ativos do departamento de vendas da Cho Securities."Os investidores podem ficar preocupados se o iene sefortalecer para 117 ienes ou além disso, mas agora ele está a120 ienes e há ainda alguma margem." Em SEUL, o mercado fechou em leve queda de 0,04 por cento,a 1.992 pontos, depois de atingir brevemente pico acima de 2mil pontos pela primeira vez. Samsung Electronics e LGElectronics registraram desvalorizações depois que o balançotrimestral da Texas Instruments, a maior fabricante de chipspara celulares do mundo, decepcionou investidores. O indicador MSCI que reúne os principais mercados da Ásia,exceto o Japão, avançava 0,79 por cento, a 579 pontos. A bolsa de SYDNEY fechou em alta de 0,5 por cento, a 6.422pontos, liderada pela mineradora BHP Billiton . Em HONG KONG, omercado subiu 0,46 por cento. O mercado de TAIWAN subiu 1,27 por cento, maior marca emsete anos, e em Cingapura a bolsa registrou valorização de 0,82por cento. A bolsa de Xangai fechou em ligeira queda de 0,07 porcento, a 4.210 pontos. REUTERS AAJ VS

TOMASZ JANOWSKI, REUTERS

24 de julho de 2007 | 07h53

Tudo o que sabemos sobre:
NEGOCIOSBOLSAASIAFECHA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.