Mercados do sudeste asiático iniciam a semana em queda

As fortes quedas registradas no último pregão da semana passada (Dow Jones: -3,70%; Nasdaq: -1,84%) influenciaram fortemente o desempenho das principais bolsas asiáticas nesta segunda-feira. O índice Kospi, do mercado sul-coreano, caiu 2,61%, aos 646,42 pontos, registrando novo recorde de baixa no ano. Em Tóquio, o Nikkei 225 teve queda de 1,54%, num pregão marcado pela volatilidade e tumultuado pela renúncia coletiva dos ministros. O mercado agora está na expectativa da reforma do sistema financeiro. A bolsa taiuanesa fechou em -0,40%, puxada pelos papéis da Taiwan Semiconductor Manufacturing Co. e da United Microelectronis Corp., depois das fortes quedas dos ADRs dessas empresas em Nova York na sexta-feira. Já o mercado filipino registrou alta de 0,84%, com a procura por barganhas, especialmente algumas blue chips, no final do pregão. Às 5h20 (horário de Brasília), as demais bolsas do sudeste asiático registravam: Hong Kong: -1,84%; Indonésia: -2,35%; Malásia: -0,67%; Tailândia: -2,09% e Cingapura: -0 85%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.