Mercados do sudeste asiático registram queda generalizada

As bolsas do sudeste asiático fecharam em queda nesta terça-feira, em razão da forte desvalorização em Nova York ontem (Dow Jones: -1,39%, Nasdaq: -2,07%) e por fatores internos. O Nikkei 225, da bolsa japonesa, caiu 2,8% com realização de lucros principalmente de papéis de alta tecnologia e bancários. Em Manila (Filipinas), a queda foi de 2,04%, também com realização de lucros estimulado pela perspectiva econômica ruim para o segundo trimestre. Seul registrou seu terceiro pregão consecutivo em queda (-1,57%), prejudicado pelo greve da Hyundai Motor e pelo desapontamento do mercado em relação à fusão do Shinhan Financial e do Chohung Bank. Taiwan caiu 0,25% (a terceira queda seguida) com a venda realizada por investidores institucionais. Às 5h20 (horário de Brasília), as demais bolsas do sudeste asiático registravam: Hong Kong: -1,44%; Indonésia: -2,38%; Malásia: -1,07%; Tailândia: -2,04%; Cingapura: -1,56%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.