Mercados em todo o mundo à espera da decisão do Fed

O Comitê de Mercado Aberto (Fomc) do Federal Reserve, o Fed, banco central americano, reúne-se hoje a partir das 10h (de Brasília). A aguardadíssima decisão sobre as taxas de juro deverá ser anunciada às 15h15 (de Brasília). O juro americano está há vários meses num nível muito baixo, seguindo decisão do Fed para enfrentar e reverter um contexto de pequeno crescimento da maior economia do mundo. A espera pela decisão do Fed sobre os juros tem mexido com os mercados em todo o mundo. Ontem, o temor de que o banco poderá decidir por um aumento nas taxas de juros americanas (e, assim, tornar menos atraentes os investimentos nos países emergentes) fez o dólar fechar a R$ 2,98, o nível mais alto dos últimos meses, a Bolsa de São Paulo chegar a cair 2,66% (no fechamento, ficou em alta de 0,52% e o risco Brasil subir 5,73%. Analistas da City londrina afirmam que, após a forte volatilidade registrada ontem, os mercados europeus entraram num compasso de espera aguardando o comunicado do Federal Reserve desta tarde. Nesta manhã, os movimentos com ativos de países emergentes vêm registrando liquidez reduzida, reflexo da cautela com os próximos passos do Fed. O banco WestLB, em nota para clientes, ressaltou a volatilidade vivida pelos mercados brasileiros ontem, com os investidores reduzindo suas posições nos estoques acionários e papéis indexados aos juros. Segundo o banco, os mercados brasileiros vão seguir hoje os sinais que vierem do exterior.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.