carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Mercados esperam alta da Selic

Termina hoje a reunião mensal do Comitê de Política Monetária (Copom) e a aposta majoritária entre os analistas é de elevação da Selic, a taxa básica de juros da economia. A última mudança na taxa aconteceu no dia 14 de outubro, quando, em reunião extraordinária, o Comitê elevou de 18% ao ano para 21% ao ano a taxa Selic.A magnitude de uma possível elevação da Selic hoje, contudo, é a dúvida dos investidores. Segundo apuração do jornalista Francisco Carlos de Assis, de um total de 22 instituições consultadas, 20 esperam alta da Selic. Entre essas, 14 esperam que a Selic passe de 21% ao ano para 22% ao ano. A preocupação com a escalada da inflação será, segundo essas instituições, o principal motivo para a subida dos juros.Mas há quem espere por uma alta de dois pontos porcentuais. Exemplo disso é o Banco Santander. Uma elevação de 0,5 ponto porcentual também está entre as apostas. Essa é a opinião do banco Sudameris, JP Morgan e BankBoston.Inflação deve ser o motivo para altaDólar em alta puxa para cima os índices de inflação. Isso porque parte dessa alta é repassada para os preços internos, devido à importação de produtos e insumos. A atual política monetária é guiada pelo controle da inflação. Ou seja, a taxa de juros é uma ferramenta usada pelo Banco Central no controle da inflação. Portanto, uma elevação da taxa de juros nesse momento é uma expectativa muito provável.Hoje, no início da manhã, a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) divulgou o resultado do Índice de Preços ao Consumidor (IPC) referente à segunda quadrissemana de outubro. O número ficou em 2,03%, superando as expectativas que estavam entre 1,70% e 2%. O dado ajuda a aumentar as preocupações sobre a inflação. No início dessa semana, a pesquisa Focus realizada pelo Banco Central junto a 124 instituições financeiras mostrou que a expectativa para o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) subiu de 9% para 9,81% em 2003.Não deixe de ver no link abaixo as dicas de investimento, com as recomendações das principais instituições financeiras, incluindo indicações de carteira para as suas aplicações, de acordo com o perfil do investidor e prazo da aplicação. Confira ainda a tabela resumo financeiro com os principais dados do mercado.

Agencia Estado,

20 de novembro de 2002 | 08h11

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.