Mercados nos Estados Unidos atraem atenções

Enquanto aguardam a divulgação de mais um índice de inflação, o Índice Geral dos Preços do Mercado (IGP-M) referente ao mês de janeiro, e a decisão do Banco Central dos Estados Unidos (Fed) sobre a taxa de juros norte-americanas, os investidores seguem atentos às bolsas de Nova York. Os números serão divulgados por volta de 17h, após o fechamento dos mercados.Houve um certo alívio com o inesperado crescimento de 0,2% do Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos referente ao quarto trimestre registrado na primeira prévia divulgada esta manhã pelo governo. A previsão dos economistas era de uma retração de 1%. Esse crescimento do PIB se soma aos indicadores positivos divulgados ontem, principalmente a melhora da confiança do consumidor, e contribui para maiores chances de que a economia dos Estados Unidos comece a se recuperar.Este clima mais otimista não de sustentou, pois os negócios em Wall Street estão sendo pressionados pelas desconfianças dos investidores com a contabilidade apresentada pelas empresas. Depois da concordata da Enron, os mais pessimistas temem o surgimento de novos casos parecidos e que aparecem mais balanços auditados de forma errada, comprometendo a credibilidade do mercado acionário.Em Nova York, o Dow Jones - Índice que mede a variação das ações mais negociadas na Bolsa de Nova York - opera com queda de 0,13%, e a Nasdaq - bolsa que negocia ações de empresas de alta tecnologia e informática em Nova York - registra baixa de 1,32%. O índice Merval da Bolsa de Valores de Buenos Aires está em alta de 1,59%.No Brasil, às 14h50, a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) está em queda de 0,85%. Os contratos de swap (troca) de títulos prefixados por pós-fixados com período de um ano pagam juros de 20,28% ao ano, frente a 20,32% ao ano. O dólar comercial está cotado a R$ 2,4440 na ponta de venda dos negócios, em alta de 0,25% em relação aos últimos negócios de ontem.Não deixe de ver no link abaixo a perspectiva dos analistas para a semana no mercado financeiro e as dicas de investimento, com as recomendações das principais instituições financeiras, incluindo indicações de carteira para as suas aplicações, de acordo com o perfil do investidor e prazo da aplicação. Confira ainda a tabela resumo financeiro com os principais dados do mercado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.