Mercados têm dia de recuperação

O dia foi de boas notícias para as empresas do setor elétrico, com reflexo direto sobre os papéis na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa). Novos dados sobre a economia norte-americana voltam a apontar retomada do crescimento, estimulando os mercados em Nova York.Foram divulgadas hoje novas normas, liberando parte dos preços de energia elétrica para as empresas do setor. As altas nas ações só não foram imediatas porque a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) determinou suspensão dos negócios para as ações das elétricas entre as 11h e meio-dia. Eletrobrás foi o maior destaque, com altas superiores a 11%. O otimismo com a empresa foi reforçado pelo anúncio de captação de US$ 220 milhões no exterior. As demais elétricas também tiveram um dia de forte valorização.Dados sobre a economia dos Estados Unidos voltaram a indicar uma tímida recuperação da economia. O fato ainda pode ser revertido, mas foi suficiente para que o Fed - banco central norte-americano - optasse por manter o juro básico estável ao final da reunião de ontem. O otimismo com a retomada do crescimento, que era esperado apenas no meio do ano, dominou os negócios em Nova York, depois de várias quedas.Fechamento dos mercadosO dólar comercial para venda fechou em R$ 2,4140, com queda de 0,74%. Os contratos de swap (troca) de títulos prefixados por pós-fixados com período de um ano fecharam o dia pagando juros de 20,31% ao ano, frente a 20,40% ao ano ontem. A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou em alta de 1,51%.O índice Merval da Bolsa de Valores de Buenos Aires fechou em queda de 3,07%. Nos Estados Unidos, o Dow Jones - Índice que mede a variação das ações mais negociadas na Bolsa de Nova York - fechou em alta de 1,61%, e a Nasdaq - bolsa que negocia ações de empresas de alta tecnologia e informática em Nova York - fechou em alta de 1,08%. Não deixe de ver no link abaixo as dicas de investimento, com as recomendações das principais instituições financeiras, incluindo indicações de carteira para as suas aplicações, de acordo com o perfil do investidor e prazo da aplicação. Confira ainda a tabela resumo financeiro com os principais dados do mercado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.