Mercatto e Icatu lançam PGBL

A Mercatto Gestão de Recursos em parceria com a Icatu Hartford anunciou, na semana passada, o lançamento de um novo Plano Gerador de Benefícios Livres (PGBL). O produto foi desenhado, exclusivamente, para investidores que estão começando a formar uma poupança para sua aposentadoria. A carteira poderá ter até 49% alocados no mercado de renda variável, o que tende a trazer uma oscilação mais acentuada ao produto. O restante estará aplicado em títulos públicos, teoricamente sem risco de crédito. O valor da aplicação mínima inicial é de R$ 10 mil, com movimentações posteriores de R$ 1 mil. A taxa de administração é de 3% ao ano.Para compensar a cobrança da CPMF, o produto terá taxa de entrada de 0,38% sobre as contribuições efetuadas. Isso porque, segundo Veiga, quando aplica em um PGBL o investidor deposita seu capital na conta da seguradora - no caso, da Icatu Hatford -, para somente depois ser aplicado na conta do fundo. InvestShop ganha 5 novos fundos de investimento O Banco BNL e o InvestShop também anunciaram parceria, semana passada, para distribuição de 5 fundos de investimento. Agora, o site totaliza 116 produtos oferecidos por 27 gestores.As opções são bastante diversificadas. Na categoria DI e renda fixa, foram escolhidos dois produtos com aplicação mínima de R$ 1 mil: o Giusto DI e o Risparmio DI. Nas categorias livres, cambiais e multicarteira, foram destacados o Differenziato, o Dollaro e o Portafoglio, cuja aplicação mínima é de R$ 5 mil.Outra novidade do InvestShop é que, até 21 de junho, todas as aplicações nos fundos oferecidos no site terão a CPMF devolvida no primeiro dia útil após a aplicação. Não se exige prazo mínimo de permanência na aplicação. A estratégia é aproveitar a liberação do primeiro lote de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física e incentivar os contribuintes a investir o valor recebido.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.