Merkel e Monti garantem que vão proteger zona do euro

A chanceler alemã Angela Merkel e o primeiro-ministro da Itália, Mario Monti, concordaram que os dois países vão fazer de tudo para proteger a zona do euro, disse o vice-porta-voz do governo alemão, Georg Streiter, neste domingo.

PAULA MOURA - PAULA.MOURA@GRUPOESTADO.COM.BR, Agencia Estado

29 de julho de 2012 | 11h01

A promessa foi feita em uma ligação telefônica no sábado e "a Alemanha e a Itália também concordaram que as conclusões do Conselho Europeu, de 28 a 29 de junho, devem ser implementadas o mais rápido possível", disse Streiter em nota.

A ligação ocorreu depois do aumento dos yields da dívida da Espanha nesta semana causar temores de que o país possa perder o acesso ao financiamento.

Merkel convidou Monti para uma visita a Berlim na segunda metade de agosto e Monti aceitou, segundo o porta-voz. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.