Merkel pressionará por regras para mercados no G-20

A chanceler alemã Angela Merkel disse neste sábado (31) que vai pressionar por um avanço sobre a regulamentação dos mercados financeiros no encontro do G-20, que ocorre na próxima semana em São Petersburgo, na Rússia. Em um vídeo, Merkel afirmou que a "Alemanha irá, juntamente com outros países, exercer pressão para que não se abandone a regulamentação dos mercados financeiros".

AE, Agencia Estado

31 de agosto de 2013 | 14h05

Merkel afirmou que existem progressos na regulamentação dos bancos tradicionais, mas que os esforços para regular e fiscalizar os agentes financeiros, como bancos de investimentos e fundos de hedge (chamados de "sistema financeiro à sombra"), estão paralisados. A chanceler quer que os líderes do G-20 estipulem um "calendário vinculativo" sobre o assunto. Ela também disse que espera avanços nas discussões sobre evasão fiscal.

A reunião do G-20 antecede as eleições na Alemanha, no dia 22 de setembro, onde Merkel busca o seu terceiro mandato. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
MerkelG-20@estadaoconteudo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.