Metalúrgicos fazem passeata contra demissões em SP

Cerca de 300 metalúrgicos realizam, na manhã desta terça-feira, em São Paulo, uma passeata em favor dos empregos de cerca de 20 mil trabalhadores do setor fabricante de engates fixos de veículos. O grupo protesta contra a resolução da Câmara Temática de Assuntos Veiculares, do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), que proíbe o uso deste tipo de produto nos automóveis. Os metalúrgicos saíram da praça em frente ao metrô Paraíso e se dirigem ao prédio da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), na avenida Paulista. Por volta das 10 horas, os manifestantes estavam na avenida Bernardino de Campos, próximo ao viaduto Santa Generosa. De acordo com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), eles ocupavam o passeio da avenida e, mesmo acompanhados por um carro de som, não atrapalhavam o trânsito na região.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.