Metalúrgicos rejeitam proposta sobre salário

Não houve acordo na negociação salarial realizada ontem entre montadoras e metalúrgicos da Central Única dos Trabalhadores (CUT). Os trabalhadores rejeitaram a proposta da indústria, de aumento de 0,5% acima da inflação mais abono salarial no valor de R$ 475. A bancada patronal solicitou nova rodada de negociação que foi marcada para hoje. A Federação dos Sindicatos Metalúrgicos da CUT já protocolou aviso de greve. As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.