México suspende parcialmente embargo contra carne dos EUA

O Ministério de Agricultura do México informou ontem à noite que suspendeu o embargo à importação de alguns tipos de carne bovina dos Estados Unidos. O país tinha proibido a importação de carne americana e subprodutos em 27 de dezembro, depois que um caso de encefalopatia espongiforme bovina (EEB), ou doença da vaca louca, foi encontrado no estado de Washington. Antes do embargo, o México era o segundo maior comprador de carne bovina dos EUA. Em um comunicado, o ministério disse que começará a aceitar carne americana desossada de bovinos abatidos até os 30 meses de idade e vitela de bezerros abaixo de nove meses. "Isso garante que produtos de risco não entrarão no país", diz o comunicado. O Ministério afirmou que ainda está fazendo avaliação de risco de outros produtos à base de carne bovina.

Agencia Estado,

04 Março 2004 | 08h52

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.