Alex Silva/ Estadão
Alex Silva/ Estadão

Ministério da Economia arquiva processo administrativo contra o Bradesco após Operação Zelotes

Segundo o banco, a corregedoria da pasta não apontou prova de que a instituição tenha oferecido vantagens indevidas a agentes públicos

Renato Carvalho , O Estado de S.Paulo

05 de fevereiro de 2020 | 09h33

A corregedoria do Ministério da Economia proferiu decisão pelo arquivamento do processo administrativo contra o Bradesco aberto após a realização da Operação Zelotes. A decisão foi publicada na segunda-feira, 3, no Diário Oficial da União

Leia Também

Rios mortos

Em comunicado, o Bradesco informou que a decisão segue integralmente o Relatório Final da Comissão Processante, parecer da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional e o despacho conjunto da Coordenadoria-Geral da Gestão e Administração e da Chefia da Divisão de Assessoria e Julgamento, que apontaram a inexistência de prova de que o banco tenha oferecido vantagens indevidas a agentes públicos envolvidos na operação.

A Operação Zelotes foi deflagrada em 4 de abril de 2017 com o objetivo de encontrar irregularidades relacionadas a pagamentos a conselheiros em troca de vantagens em decisões do Conselho de Administração de Recursos Fiscais (Carf)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.