Ministra nega que Dilma tenha `rascunho zero'

Rio, 16 - A ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, negou que a presidente Dilma Rousseff estaria levando o "Rascunho Zero" da Rio+20 para ser discutido durante o encontro entre chefes de Estado do G-20, que ocorrerá a partir desta segunda-feira, no México.

Agencia Estado

16 de junho de 2012 | 18h02

"A discussão sobre o documento da Rio+20 é aqui no Rio de Janeiro, no âmbito das Nações Unidas", disse a ministra durante visita à Cúpula dos Povos, evento paralelo à Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, no Aterro do Flamengo.

De acordo com a ministra, é natural que a presidente possa reforçar a conversa sobre os objetivos da sustentabilidade enquanto estiver no México, mas reafirmou que a agenda do G-20 é diferente daquela que está em foco no momento no Brasil, e considerou um "equívoco" a informação de que Dilma estaria interessada em debater o assunto naquela ocasião.

"O G-20 está debruçado sobre a crise econômica dos Estados, e cuida do curto prazo. Nós estamos aqui discutindo médio e longo prazo, a visão nos próximos 20 anos". Izabella reforçou que a presidente está engajada no processo de consolidação dos objetivos do desenvolvimento sustentável, no âmbito do mandato da Conferência.

"As negociações da ONU acontecem no Rio de Janeiro, no Riocentro, e a presidente Dilma, ao voltar do G-20, liderará o Segmento de Alto Nível da Conferência, fechando aquilo que é a declaração do Rio e oferecendo novos caminhos de fortalecimento do multilateralismo a partir da Rio+20". (Heloisa Aruth Sturm)

Tudo o que sabemos sobre:
Meio AmbienteIsabella TeixeiraDilma

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.