Ministro acha que o Brasil está preparado para a Alca

O ministro do Desenvolvimento, Sérgio Amaral, afirmou nesta sexta-feira, durante um seminário no Rio, que o Brasil já fez os acordos bilaterais que podem preparar a criação da Área de Livre Comércio das Américas (Alca). A questão agora, segundo ele, é saber se os EUA estão preparados para a Alca, especialmente no que diz respeito ao que ele classificou de "produtos sensíveis, sobre os quais não há possibilidade de acordo".Segundo o ministro, na comparação entre Brasil e EUA, é provável que nossa economia seja mais aberta aos produtos deles do que o contrário. Amaral disse que o Brasil tem adotado uma política correta para criar condições de competitividade das empresas, mas sugeriu a criação de uma câmara de política industrial nos moldes da Câmara de Comércio Exterior para unificar as estratégias de todos os ministérios e órgãos federais envolvidos neste tema, como a Receita Federal, o Ministério da Ciência e Tecnologia, Agricultura, entre outros. "Não é possível um ministério apontar para um lugar enquanto os outros apontam para outra direção. É necessário uma convergência".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.