Ministro da Agricultura quer diversidade no setor de açúcar

O ministro da Agricultura, Roberto Rodrigues, disse na noite de sexta-feira, durante o Sugar Dinner, jantar que reúne participantes do setor sucroalcooleiro internacional, que o açúcar dificilmente será discutido no âmbito da Alca antes que sejam resolvidas as pendências existentes dentro do Mercosul. ?O açúcar não está internacionalizado como as demais commodities e a prioridade seria definir sua situação dentro do Mercosul?, disse o ministro antes do início do jantar. Rodrigues disse não saber, contudo, como estão as negociações com a Argentina. Em seu discurso de abertura, o ministro conclamou o setor a diversificar a utilização de cana-de-açúcar e aumentar a produção de álcool. Segundo ele, o Brasil está fazendo a sua parte, com a adição de 20% de anidro na gasolina, com a utilização dos veículos bicombustíveis (flexi-fuel) e com o aumento de 200% nas vendas de carros a álcool no último ano. ?Existe demanda externa e o setor precisa aproveitar a competitividade do Brasil para acessar outros mercados?, disse ele, lembrando a questão ambiental e do interesse do mercado internacional por combustíveis renováveis e limpos, como álcool. Leia mais no Agrocast.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.