Ministro pede que população compre carro francês

A crise na indústria automobilística da França e da Europa fez mais uma vítima: o livre mercado. Pressionado pelo fechamento de uma usina da PSA Peugeot-Citroën em Aulnay Sous-Bois e pela demissão de 8 mil pessoas, o ministro da Indústria da França, Arnaud Montebourg, fez anteontem um apelo ao consumidor para que compre carros franceses.

O Estado de S.Paulo

28 de setembro de 2012 | 03h06

"Nós não podemos aceitar ser desestabilizados pela chegada maciça, por dumping comercial, de veículos coreanos fabricados na Europa", reclamou, protestando contra os salários pagos pela Hyundai e pela Kia. A resposta não tardou. Patrick Gouvernnec, presidente das montadoras coreanas na Europa, cutucou o ministro: "Creio que a reação não é uma resposta aos problemas da produção francesa". /A.N.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.