Clayton de Souza/Estadão
Clayton de Souza/Estadão

Americanos vêm ao Brasil para inspeção de carnes a partir de 10 junho

O serviço de inspeção dos Estados Unidos pretende verificar se os produtos brasileiros continuam a atender os requisitos sanitários daquele país

Redação, O Estado de S.Paulo

25 de março de 2019 | 17h43

O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) informou nesta segunda-feira, 25, ao Ministério da Agricultura que poderá enviar missão ao Brasil entre 10 e 28 de junho para fazer uma auditoria no sistema de inspeção de estabelecimentos de carnes bovinas e suínas do País.

"Este é um passo importante para que possamos voltar a exportar, num futuro próximo, carne in natura aos EUA", disse em nota a ministra Tereza Cristina. Na semana passada, ao receber representantes do governo brasileiro em Washington, o secretário de Agricultura norte-americano, Sonny Perdue, havia informado que marcaria a data para a missão vir ao Brasil. "Tudo ocorreu conforme o acordado com o senhor Perdue. Houve boa vontade dos Estados Unidos e alcançamos o objetivo de nossa viagem", disse a ministra.

O serviço de inspeção americano pretende verificar se os produtos brasileiros continuam a atender os requisitos sanitários daquele país. Após a visita, será divulgado, em data ainda não definida, o relatório de auditoria. 

A ministra da Agricultura teve um encontro com seu correlato nos Estados Unidos, Sonny Perdue, na semana passada. A expectativa era resolver o imbróglio que se arrasta há dois anos: os embarques da carne bovina in natura brasileira aos Estados Unidos foram suspensos em 22 de junho de 2017 por problemas sistêmicos e, a partir de então, tanto o governo quanto a iniciativa privada fizeram as modificações necessárias para atender às exigências norte-americanas, mas até hoje os EUA ainda mantêm a restrição.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.