Missão do FMI chega à Argentina

Uma nova missão do FMI chegou hoje aArgentina, chefiada pelo inglês John Thornton, com oobjetivo de auditar as contas públicas do país e definir os termosde um futuro acordo, para permitir uma possível ajudafinanceira.Cinco dos seis funcionários que formam a equipe de trabalhose instalaram no Hotel Sheraton. Por questões de segurança,informa o jornal Clarín, os funcionários do FMI chegaram aBuenos Aires em vôos diferentes, todos procedentes dos EstadosUnidos.Diz ainda a nota do Clarín que "a missão liderada porThornton deverá enfrentar nas próximas horas uma extensa agendade encontros com os principais funcionários do Governo Duhalde,e com o corpo de técnicos do Ministério da Economia".Ainda amanhã é aguardada em Buenos Aires, pela manhã, achegada de uma missão de notáveis integrada por Hans Tietmayer,Andrew Crockett, Luiz Rojo e John Crow, que analisará a situaçãoargentina e debaterá propostas alternativas nas áreas monetáriae financeira. O Clarín revelou que um tema-chave que deverá seranalisado em profundidade com os representantes do FMI tem a vercom a solução que foi dada para a questão do "corralito".

Agencia Estado,

21 de julho de 2002 | 16h21

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.