MMX prevê reajuste acima de 30% para minério de ferro

A mineradora MMX, empresa do grupo EBX do empresário Eike Batista, prevê um aumento superior a 30% nos preços do minério de ferro para 2008. "Não seria nenhuma surpresa se o reajuste chegasse a 50%", disse Paulo Gouvêa, diretor Jurídico da EBX. O executivo participou hoje do primeiro dia de negócios na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) da MPX Energia, também do grupo EBX. Segundo Gouvêa, as perspectivas de demanda aquecida devem manter as pressões sobre as cotações do minério, em especial na Ásia. Ele destacou que o incremento de produção nas minas já existentes está ficando cada vez mais caro, devido ao aumento dos custos dos equipamentos e à dificuldade de obtenção de mão-de-obra qualificada - o que acentua as perspectivas de alta. "O preço do minério no mercado spot está 100% mais alto do que nos contratos, o que demonstra a situação de desequilíbrio do mercado", disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.