Dado Ruvic/ REUTERS/ Ilustração
Dado Ruvic/ REUTERS/ Ilustração

coluna

Fernanda Camargo: O insustentável custo de investir desconhecendo fatores ambientais

Moeda digital soberana da China está 'quase pronta'

Intenção é reduzir custos da circulação de papel moeda e melhorar o controle da autoridade monetária sobre a oferta de dinheiro

Redação, REUTERS

12 de agosto de 2019 | 14h17

O banco central da China “está quase pronto” para emitir a própria moeda digital do país, afirmou um representante da autoridade monetária. Mu Changchun, vice-diretor do departamento de pagamentos do Banco Popular da China, fez o comentário no sábado, durante um fórum realizado na província de Heilongjiang, no norte do país.

O banco central da China montou uma equipe de pesquisa em 2014 para explorar a possibilidade de lançar sua própria moeda digital para reduzir custos da circulação de papel moeda e melhorar o controle da autoridade monetária sobre a oferta de dinheiro. O banco central até agora divulgou apenas alguns detalhes sobre o projeto.

Mu afirmou que a emissão da moeda digital vai ser baseada em um sistema de dois níveis no qual tanto o banco central quanto as instituições financeiras serão emissores legítimos da moeda.

Ele afirmou ainda que a moeda digital não vai contar apenas com blockchain uma vez que a tecnologia não é capaz de lidar com os volumes transacionados na China.

Tudo o que sabemos sobre:
China [Ásia]moeda virtualblockchain

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.