Monsanto vai demitir 1,8 mil trabalhadores

A americana Monsanto, uma das líderes mundiais em desenvolvimento de sementes, anunciou ontem que vai demitir 1,8 mil trabalhadores, o equivalente a 8% do total de funcionários da companhia no mundo. O número é o dobro do corte de 900 postos anunciado em junho. A empresa informou que sua receita continua a diminuir diante da queda nas vendas do herbicida Roundup, por causa da concorrência com outros produtos e também da contração da renda dos agricultores.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.