Moody´s: classificação alta para Bradesco

O Banco Bradesco recebeu a classificação Aaa.br na Escala Nacional Brasileira de Ratings da Moody´s Investor Service. Na Escala Global em Moeda Local, a empresa recebeu a nota A2. Com relação aos depósitos de curto prazo, o banco foi classificado como BR-1 na Escala Nacional Brasileira e P2 na Escala Global em Moeda Local.A classificação reflete a posição de liderança do Bradesco no mercado bancário brasileiro bem como a sua solidez financeira. Sua política de investimentos em títulos públicos configura o risco de governo ao qual o banco está exposto, mas a empresa de rating acredita que esse risco é enfraquecido pelo acesso do banco a fontes de depósitos - o Bradesco detém 13% do total de depósitos do sistema bancário.A nota Aaa.br indica que a empresa tem a mais forte qualidade de crédito, com a menor probabilidade de inadimplência, se comparada a outros bancos. A escala isola os riscos de perdas associadas a eventos sistêmicos que possam afetar todas as instituições financeiras. Já a nota P2 indica que o banco tem capacidade forte para pagamentos dos depósitos a curto prazo. As classificações da Escala da Moody´s servem para orientar os investidores domésticos brasileiros e não têm comparação às classificações globais.

Agencia Estado,

08 de dezembro de 2000 | 19h43

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.