Moody's: Grécia precisa agir no lado fiscal para garantir rating

A agência de classificação de risco Moody's Investors Service disse nesta quinta-feira que qualquer mudança no rating da Grécia dependerá de Atenas realizar ou não os planos de reforma fiscal que prometeu.

REUTERS

25 de fevereiro de 2010 | 07h20

"Temos que olhar os fatos e olhar se o governo da Grécia está fazendo o que prometeu fazer", disse Pierre Cailleteau, diretor de rating global da Moody's, em entrevista à Reuters.

Na quarta-feira, a agência Standard and Poor's disse que poderia reduzir a avaliação da Grécia, atualmente em "BBB+" em um ou dois graus dentro de um mês, citando riscos ao crescimento que poderiam atrapalhar o plano de corte de déficit do país.

A avaliação que a Moody's tem da dívida de longo prazo da Grécia é de "A2" com perspectiva negativa.

Tudo o que sabemos sobre:
MACRO, MOODYS, GRECIA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.