Moody´s muda perspectiva para rating da Argentina

A agência de classificação de risco Moody´s alterou de "neutra" para "negativa" as perspectivas de rating (classificação) do país. A agência informa que a decisão foi motivada pelas preocupações quanto às atuais necessidades de financiamento, às incertezas com relação ao crescimento e às complicações que poderão surgir por conta de uma falta de consenso político e social sobre as políticas econômicas do país.Diante disso, a Moody´s prevê que a assistência financeira do Fundo Monetário Internacional (FMI) deverá permitir que a Argentina administre suas necessidades de financiamento de curto prazo, já que no mercado internacional o país encontra dificuldades em captar dinheiro. A única alternativa então seria a captação no mercado interno. Porém, isso dificulta ainda mais o crescimento da economia do paísDe acordo com o secretário de finanças do Ministério da Economia da Argentina, Daniel Marx, em teleconferência realizada hoje pela Agência Estado, a Argentina tem interesse em diminuir sua dependência em relação ao mercado internacional e voltar a apresentar crescimento. Nesse caso, a ajuda do FMI é a única alternativa para isso.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.