Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Moscou espera fechar acordo com os EUA para entrada na OMC

O ministro de Desenvolvimento Econômico e Comércio de Rússia, Herman Gref, espera concluir antes do fim do mês as negociações com os Estados Unidos para a entrada do país na Organização Mundial do Comércio (OMC). "Acho que durante as próximas duas semanas poderemos alcançar um acordo definitivo com Washington", disse Gref. "Concordamos com os EUA em todos os assuntos relativos aos direitos de propriedade intelectual", disse o ministro russo.Gref afirmou que resta apenas um assunto a ser decidido nas negociações com Washington, referente às exigências de Moscou de inspecionar as exportações americanas de carne congelada antes que cheguem à Rússia. Os representantes americanos afirmam que as negociações estão sendo politizadas. O principal entrave ao diálogo entre Moscou e Washington era o acesso da carne e vegetais norte-americanos ao mercado russo.Caso Moscou e Washington superem suas diferenças e assinem o protocolo para a entrada da Rússia na OMC, a adesão poderia ocorrer no primeiro semestre de 2007.Para isso, no entanto, a Rússia deve concluir ainda as negociações bilaterais com a Costa Rica, que exige uma maior liberalização do mercado do açúcar, e com a Geórgia, que revogou seu apoio ao protocolo comercial bilateral, devido ao embargo imposto por Moscou a seus produto alcoólicos.A Rússia deve concluir as negociações e assinar protocoloscomerciais bilaterais com os 149 países-membro para ser admitida naOMC.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.