finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Movimentação de cargas no porto de Santos sobe 5,4% em junho

Exportação de soja, que cresceu 18,9% no mês, para 2,3 milhões de toneladas, ajudou a impulsionar o resultado geral no porto

REUTERS

18 de julho de 2014 | 11h05

O porto de Santos (SP), o maior da América Latina, atingiu no mês passado um recorde de movimentação para o mês de junho, de 9,8 milhões de toneladas, alta de 5,4 por cento ante um ano antes, com forte participação do complexo soja.

Houve um aumento de 8,1 por cento no volume exportado, que atingiu 6,9 milhões de toneladas, disse a administração do porto, em nota.

O complexo soja, cujas exportações cresceram 18,9 por cento no mês, para 2,3 milhões de toneladas, ajudou a impulsionar o resultado geral da movimentação no porto.

Já o volume de cargas importadas caiu 0,7 por cento na comparação anual, para 2,8 milhões de toneladas.

Em um momento de defasagem na produção de derivados de petróleo no país, cresceu quase 60 por cento a descarga de gás liquefeito de petróleo e 632 por cento o desembarque de nafta.

O número de contêineres movimentados cresceu 15,4 por cento em junho.

Em junho, o número de embarcações que atracaram em Santos caiu 6,1 por cento ante um ano antes, mas a Companhia Docas (Codesp) afirma que isso é reflexo da chegada de embarcações de porte maior, graças ao aprofundamento que possibilitou a ampliação do calado operacional do porto.

No acumulado do semestre, a movimentação de cargas em Santos caiu 1,6 por cento ante o mesmo período de 2013, para 52,9 milhões de toneladas, devido a fraco desempenho de exportações em janeiro, abril e maio.

(Por Gustavo Bonato)

Tudo o que sabemos sobre:
COMMODSSANTOSMOVIMENTA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.