MTE: País eliminou 407.510 vagas formais em dezembro

O volume de desligamentos de funcionários, superior ao número de contratações em dezembro, foi o terceiro maior do governo Luiz Inácio Lula da Silva, conforme dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados hoje pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). Segundo o Caged, no mês passado o número de demissões líquidas superou as contratações em 407.510 postos de trabalho.

CÉLIA FROUFE, Agencia Estado

18 de janeiro de 2011 | 14h35

Em dezembro de 2009, as demissões superaram as contratações em 415 mil postos de trabalho. Em 2008, no mesmo mês, o saldo ficou negativo em 655 mil. Nos demais meses de dezembro do governo Lula, os desligamentos sempre superaram as demissões, mas ficaram em um nível inferior a 400 mil postos de trabalho.

Tudo o que sabemos sobre:
empregoformalcarteiraMTE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.