Muitos mercados permanecerão fechados hoje

A gravidade dos ataques terroristas ao World Trade Center, no coração financeiro de Nova York, e ao Pentágono, em Washington, ainda é difícil de ser medida. Todos os mercados norte-americanos, assim como de outros países, como a Bolsa de Valores de Buenos Aires permanecerão fechados hoje enquanto o mundo observa as operações de resgate e espera a contagem de mortos e feridos, a revelação da autoria dos atentados e a reação norte-americana. Espera-se que a reação do presidente George W. Bush seja de caráter militar, mas ainda não se sabe contra quem e em que dimensões.Essa perspectiva apavorou os mercados no mundo inteiro ontem, sendo que muitos fecharam antecipadamente, registrando quedas recordes. No Brasil, o dólar chegou a R$ 2,6850 e a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) despencou 9,18%. Ainda é cedo para avaliar o impacto que a tragédia de ontem terá na economia norte-americana, que já apresentava forte desaceleração, e a possibilidade de uma guerra traz ainda mais preocupações.Como todos esses fatores,ainda são imponderáveis, é difícil de prever a reação dos investidores. Certamente o comportamento das bolsas asiáticas que não fecharam e das européias neste início da manhã serão observados com cuidado. As quedas de ontem foram muito expressivas e é possível que continuem com o cenário de instabilidade internacional. Às 7h10 (horário de Brasília) a Bolsa de Tóquio estava em queda de 6,6%; a Bolsa de Londres, em baixa de 0,24%; a de Paris, em queda de 0,90%; e a de Frankfurt, em baixa de 0,20%.Não deixe de ver no link abaixo as dicas de investimento, com as recomendações das principais instituições financeiras, incluindo indicações de carteira para as suas aplicações, de acordo com o perfil do investidor e prazo da aplicação. Confira ainda a tabela resumo financeiro com os principais dados do mercado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.