Wanezza Soares
Wanezza Soares

Na Alpargatas, foco é a expansão internacional

Presidente do grupo, Roberto Funari diz que pandemia acelerou interesse por descobrir o mundo das startups

Renée Pereira, O Estado de S. Paulo

23 de maio de 2021 | 05h00

A influência digital nas vendas de marcas famosas despertou o interesse do presidente da Alpargatas, Roberto Funari, pelas startups. A empresa comprou no início de maio a mineira Ioasys, especializada na criação de soluções digitais e desenvolvimento de aplicativos, por R$ 200 milhões.

Foi a primeira aquisição da companhia, que quer criar um ecossistema para acelerar a expansão internacional e de novos produtos. O foco da companhia hoje são os mercados americano, europeu e chinês. “Nossa estratégia é encontrar soluções para potencializar o crescimento da Havaianas, oferecendo uma nova experiência para os usuários”, diz Funari.

Segundo ele, hoje a empresa busca inovação para melhorar os serviços, para a editorialização das marcas e para eliminar problemas nos canais de vendas. Essa busca é um exercício diário em qualquer departamento da empresa, que tem a responsabilidade de trazer soluções para questões importantes da companhia.

Funari afirma que a pandemia acelerou a necessidade de digitalização e despertou o interesse por descobrir o mundo das startups. “Mas acredito que o mais importante foi a mudança de comportamento das pessoas durante o isolamento social. Isso criou uma responsabilidade maior das empresas em termos de inovação”, diz ele. “Na medida em que se começa a inovar e as pessoas a responder a isso, cria-se um círculo virtuoso.”

Tudo o que sabemos sobre:
Alpargatasstartup

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.