Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Na França, funcionários de aeroporto mantêm greve iniciada dia 16

Cerca de 200 empregados votaram a favor do prosseguimento da paralisação 

Gabriel Bueno, da Agência Estado,

26 de dezembro de 2011 | 10h53

PARIS - Funcionários do setor de segurança do Aeroporto Internacional Charles de Gaulle, em Paris, votaram nesta segunda-feira para continuar uma greve iniciada no dia 16. Há quatro dias, autoridades enviaram a polícia para garantir que a paralisação não afete as viagens durante a temporada de feriados.

Cerca de 200 funcionários em greve votaram a favor do prosseguimento da paralisação, em um encontro no aeroporto. Na quarta-feira passada, o presidente francês, Nicolas Sarkozy, disse que o governo usará "todas as medidas necessárias" para garantir que os viajantes não "fiquem reféns" da greve.

Na quinta-feira, a polícia foi enviada para trabalhar com os funcionários que não estavam em greve, checando passageiros e bagagens. A paralisação até agora teve um impacto limitado sobre os voos internacionais, causando apenas atrasos menores. Um porta-voz do aeroporto disse que o tráfego aéreo estava normal na manhã desta segunda-feira.

Os sindicatos exigem melhorias nas condições de trabalho e aumentos salariais. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
françaaeroportogreve

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.