Não faremos o IPO enquanto existirem incertezas econômicas, diz JBS Foods

Prevista para junho, a abertura de capital da divisão de aves, suínos e industrializados da JBS no Brasil deve ficar só para 2015

Gabriela Vieira, Agência Estado

13 de novembro de 2014 | 11h58

O CEO global da JBS, Wesley Batista, afirmou que a oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) da subsidiária JBS Foods não deve ocorrer enquanto o mercado tiver incertezas em relação ao cenário macroeconômico do Brasil. 

"Antes o mercado teve incertezas com as eleições, agora em relação ao ministro (da Fazenda). Não faremos o IPO enquanto o mercado tiver incertezas", declarou, em conversa com jornalistas.

A abertura de capital da divisão de aves, suínos e industrializados da JBS no Brasil deve ficar agora só para 2015. Segundo Batista, a última janela de oportunidade deste ano, entre novembro e dezembro, praticamente já terminou. 

"Eu acho possível e razoável a gente pensar que a oferta pode acontecer no primeiro ou no segundo trimestre do ano que vem", afirmou.

O IPO da JBS Foods estava previsto inicialmente para ocorrer em junho deste ano. Após sucessivos atrasos, a companhia renovou em outubro o pedido de abertura de capital na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) para prolongar os prazos para realizar a oferta. 

Tudo o que sabemos sobre:
JBSIPO

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.