Não há envolvimento do governo na venda da Varig, diz Jobim

Ministro da Defesa afirma que governo 'só assistiu ao desenrolar dos fatos' e nega envolvimento de Dilma

Kelly Lima, da Agência Estado,

05 de junho de 2008 | 18h00

O ministro da Defesa, Nelson Jobim, afirmou nesta quinta-feira, 5, não acreditar no envolvimento da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, nas negociações para a venda da VarigLog e da Varig, realizadas no ano passado. Na quarta-feira, o Estado publicou entrevista com a ex-diretora da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Denise Abreu, que afirmou ter sido pressionada pela Casa Civil para facilitar as duas negociações. Veja também:Comissão aprova convocação de Denise, Zuannazzi e TeixeiraEx-diretores confirmam pressão sobre a Anac Agência considera ilegal controle de estrangeiros Dilma chama de 'falsas' as denúncias sobre a compra da Varig Documentos provam acusações sobre Varig, diz Denise AbreuLeia a entrevista de Denise Abreu sobre o caso  "Não acredito no envolvimento de Dilma no tráfico de influência. Não é uma questão de acreditar ou não. Eu afirmo que não há nenhum envolvimento neste sentido. Afirmo claramente que o governo só assistiu ao desenrolar dos fatos, que eram confirmados pelo Judiciário", afirmou Jobim, que esteve na Escola de Comando e Estado Maior do Exército, no Rio.

Tudo o que sabemos sobre:
VarigNelson Jobim

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.