Não há risco de leilão ser cancelado, diz Cardozo

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, disse que não há risco de o leilão do Campo de Libra, que está previsto para o início da tarde desta segunda-feira, 21, ser inviabilizado por ameaças de segurança. "Não tem risco. A segurança está seguindo o padrão recomendado", disse.

SABRINA VALLE, Agencia Estado

21 de outubro de 2013 | 12h45

A realização do evento está sendo garantida por um forte aparato que envolve a Força Nacional de Segurança, mas os manifestantes romperam a barreira que separava os atos de protesto do Hotel Windsor, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, onde o leilão ocorrerá. Já há registro de feridos nos confrontos entre os manifestantes e a segurança.

Tudo o que sabemos sobre:
pré-salleilãoprotestos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.