finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Nasce a TV de projeção a laser

Projeto em desenvolvimento por um grupo de empresas foi apresentado no NAB Show

Ethevaldo Siqueira, de O Estado de S.Paulo,

17 de abril de 2012 | 22h55

LAS VEGAS - TV e cinema são dois mundos das comunicações que se fundem. Dentro de alguns anos, serão praticamente iguais, quanto à qualidade visual. A imagem será a mais brilhante que nossos olhos já viram. Tanto as imagens de TV quanto as de cinema, quando projetadas em telões de grandes dimensões, terão perfeita nitidez e alto contraste até mesmo sob a luz do sol ou em ambientes com muita luminosidade.

Assim será a TV de projeção a laser, que está sendo desenvolvida por um conjunto de empresas sob a coordenação da Sociedade dos Engenheiros de Cinema e Televisão dos Estados Unidos (SMPTE, na sigla em inglês de Society of Motion Picture and Television Engineers).

A demonstração desse novo avanço, feita durante o Seminário sobre Tecnologia de Cinema (Technology Summit On Cinema) nesta edição do NAB Show, em Las Vegas, mostrou o potencial das projeções com luz de laser que, aliás, estão sendo pesquisadas há algumas décadas, mas só agora oferecem boas perspectivas práticas. O seminário reuniu cientistas, engenheiros, fabricantes e pesquisadores do setor cinematográfico.

Imagine o impacto que causarão ao espectador os melhores filmes nos futuros home theaters, com mais de 150 polegadas, com imagens de super alta definição e 3D. Ou ainda a beleza dos telões de 11 metros de diagonal e imagens de 32 megapixels que enriquecerão as apresentações em universidades, conferências, shows e concertos.

Segundo o vice-presidente da SMPTE, Paul Hearty, "nenhuma outra tecnologia oferece mais vantagens do que a projeção de laser para a busca de imagens brilhantes e nítidas".

E enumera as principais vantagens: "Além da qualidade das imagens, vale destacar a redução de custos operacionais, economia de energia em relação às atuais lâmpadas de xenônio e aumento extraordinário da vida útil dos equipamentos".

Os engenheiros que pesquisam as novas tecnologias para a obtenção de uma imagem 3D muito mais brilhante não têm a menor dúvida de que os novos protótipos de projetores de laser testados e demonstrados neste NAB Show 2012 antecipam as excelentes perspectivas dessa tecnologia.

Os dez maiores fabricantes de projetores do mundo, bem como os representantes da Associação para Projetores com Iluminação de Laser (Laser Illuminated Projector Association) presentes ao seminário sugerem a necessidade de se aprofundar a discussão sobre os sistemas de projeção, "para que se eliminem os mitos sobre o uso do laser e sejam divulgados os recentes desenvolvimentos que incluem o expressivo progresso na redução de um dos mais importantes desafios, que são pequenas falhas de imagem ou despeckling".

Um dos passos seguintes será analisar e discutir não apenas a tecnologia e suas vantagens, mas, também, a uniformização dos critérios regulatórios em todo o mundo, em relação às normas norte-americanas referentes aos projetores de luz laser.

Nuvem. Tema que ganha maior destaque e espaço neste NAB Show é a computação em nuvens, tanto públicas, como privadas e híbridas. Das três modalidades, a que parece ter maior possibilidade de oferta de conteúdo é a nuvem pública. Em breve, o mundo deverá conhecer as novas opções de nuvens do Google, da IBM, da Microsoft, da HP e, muito provavelmente, de grandes empresas brasileiras.

O cliente não precisará comprar cada conteúdo, isoladamente, pois vai preferir pagar uma assinatura do serviço para ver o que quiser na hora que melhor lhe aprouver. Os provedores de produtos audiovisuais de entretenimento querem oferecer serviços de nuvem para armazenar todo tipo de conteúdo. 

Tudo o que sabemos sobre:
TVlaserLas Vegasfeira

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.