Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Negociação com UE prossegue amanhã, diz ministério

O Ministério da Agricultura confirmou em nota oficial que as negociações com a União Européia prosseguem amanhã, em Bruxelas, para a retomada da exportação de carne bovina in natura para os países do bloco. Segundo nota da assessoria de imprensa do Ministério, "até o final das negociações o número de fazendas em condições de atender às exigências da União Européia deverá ser definido".Os técnicos da Secretaria de Defesa Agropecuária e da missão do Ministério das Relações Exteriores negociam em Bruxelas a vinda de nova missão do bloco para verificar as fazendas que forem escolhidas pela União Européia. "Está sendo tratado, ainda, o calendário com a previsão de inclusão de novas propriedades na lista até retomar a situação anterior ao bloqueio", diz a nota.Na nota, o Mistério ressalta que "a carne bovina brasileira é saudável e não representa risco sanitário. As restrições da União Européia são relacionadas à rastreabilidade, ou seja, o monitoramento do trânsito dos bois, do nascimento ao abate". Em novembro do ano passado, algumas fazendas e frigoríficos apresentaram inconformidades que foram relatadas por veterinários da União Européia, em missão oficial.Segundo o ministro Reinhold Stephanes, a participação dos frigoríficos exportadores no processo de rastreabilidade é fundamental para garantir a segurança do sistema. "Se não houver uma posição firme de participar deste programa, será difícil executá-lo com êxito", destacou. Stephanes propôs que os frigoríficos fidelizem os produtores com vistas ao mercado externo.

AE, Agencia Estado

14 de fevereiro de 2008 | 19h40

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.