finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Negociação da Nossa Caixa não envolve reforma, diz Múcio

Para ministro, a aprovação da reforma tributária depende da aquiescência de todos os governadores

Adriana Fernandes, Agência Estado,

19 de novembro de 2008 | 15h08

O ministro de Relações Institucionais, José Múcio Monteiro, negou que a negociação da compra da Nossa Caixa pelo Banco do Brasil esteja condicionada à aprovação, pela bancada paulista, da reforma tributária. "A negociação da reforma tributária passa com a aquiescência de todos os governadores, todos homens experientes como José Serra ", disse Múcio.  O ministro da Fazenda, Guido Mantega, participará da reunião em que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva receberá no Palácio do Planalto,logo mais, às 16 horas, o governador de São Paulo, José Serra (PSDB).  No Banco do Brasil, assessores de imprensa, em resposta a uma pergunta sobre possível participação do presidente do BB, Antonio Francisco de Lima Neto, na reunião de Lula e Serra, disseram apenas que não comentariam o assunto. No Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo, assessores de Serra, falando por telefone à Agência Estado, informaram que o governador cumpre o compromisso de hoje em Brasília sem acompanhamento de secretários de Estado.

Tudo o que sabemos sobre:
reformaNossa CixaBanco do Brasil

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.