carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Negociadores discutem compensações na Rodada de Doha

Os negociadores começaram a propor ascompensações entre agricultura e indústria para tentar concluira Rodada de Doha de negociações comerciais globais ainda nesteano, disseram diplomatas na quinta-feira. A esta altura os países estão fazendo exigências ao invésde concessões, mas pela primeira vez existe uma vinculaçãoexplícita entre os dois setores, o que é crucial para umacordo, segundo os envolvidos. Isso é ainda mais notável diante da falta de progressosvista nesta semana nas discussões sobre áreas específicas naOrganização Mundial do Comércio (OMC). Normalmente, taldiscussão seria esperada para a reunião ministerial propostapara março ou abril. Revendo nos últimos dois dias o texto-base da negociaçãoindustrial, vários delegados estabeleceram comparações com onovo texto agrícola, o que levou muitos negociadores aconcluírem que o processo "horizontal" de barganha já começou. "Ouvi o comentário. É muito interessante e talvez preciso",disse o embaixador canadense na OMC, Don Stephenson, quepreside a comissão de negociações industriais e redigiu essetexto revisado. Basicamente, a Rodada de Doha deve levar os países ricos aabrirem seus mercados de alimentos cortando tarifas e subsídiosagrícolas, enquanto os países em desenvolvimento deverão cortaras tarifas industriais e liberalizar os serviços. Mas tanto uns quanto outros se queixam de que estão sendopressionados a fazer concessões demais numa área e recebendopouco em troca na outra.

JONATHAN LYNN, REUTERS

21 de fevereiro de 2008 | 18h41

Tudo o que sabemos sobre:
DOHANEGOCIACOESCOMPENSACOES

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.