Menahem KAHANA / POOL / AFP
Menahem KAHANA / POOL / AFP

Negócios são foco da primeira parte de agenda presidencial em Jerusalém amanhã

Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) promoverá um encontro que deve reunir 400 empresários de Brasil e Israel

Célia Froufe, correspondente e enviada especial, O Estado de S.Paulo

01 de abril de 2019 | 16h50

JERUSALÉM - A primeira parte da agenda de amanhã da comitiva presidencial que está em Jerusalém desde domingo terá como foco o setor produtivo. Haverá uma apresentação para um encontro promovido pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) e que promete reunir 400 empresários dos dois países.

"Acreditamos que tem potencial para grandes investimentos, tanto para o setor elétrico, quanto no de óleo e gás e mineração; ainda estamos conversando mais", disse o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque. Ele será um dos painelistas do encontro, assim como o seu colega de Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes.

O evento consta da agenda oficial como um café da manhã com CEOs, às 8h30 local (2h30 de Brasília). Às 10 horas, o presidente Jair Bolsonaro fará a abertura do Encontro Brasil-Israel, ao lado do primeiro-ministro local, Binyamin Netanyahu. Os dois líderes visitam às 10h50 de Israel uma exposição de produtos de inovação e, às 11h40, a empresa Mobileye. Às 12h30, haverá almoço com empresários.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.