Nenhum BC pode agir de forma política, diz Meirelles

O presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, disse hoje, em seminário sobre a autonomia do BC, que a instituição tem de agir de forma técnica para tornar sua atuação mais eficaz. "Nenhum banco central do mundo pode agir de forma política, qualquer que seja sua decisão. Estamos aqui no espaço da técnica e da racionalidade econômica", disse Meirelles. O presidente do BC ressaltou em seu discurso que o espaço da política se situa no momento de definição das metas a serem alcançadas pelo BC. Ele lembrou que, em um modelo ideal, cada governo eleito democraticamente pode definir as metas de inflação e de crescimento, com antecedência. "No caso brasileiro, por exemplo, essa incumbência deveria ser responsabilidade do CMN. É neste fórum e neste momento em que a sociedade, através do debate democrático, deveria se expressar, opinando sobre as metas que está disposta a perseguir e os custos que aceita arcar", disse Meirelles.IPCA de maioO presidente do Banco Central evitou fazer qualquer comentário sobre o resultado do IPCA de maio divulgado pelo IBGE, de 0,61%. "Tenho de analisar", afirmou. Diante da insistência dos jornalistas, Meirelles disse que cabe ao Compom analisar o resultado do índice.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.