Nivel de emprego cresce 0,02% em janeiro, diz Fiesp

O nível de emprego da indústria de transformação paulista cresceu 0,02% em janeiro ante dezembro, devido à abertura de 359 vagas, segundo divulgou hoje a Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo). Foi o primeiro mês de recuperação do emprego desde abril do ano passado. No acumulado de 12 meses, o setor apresenta, no entanto, uma queda de 3,99% no emprego, o que significa 62.039 trabalhadores a menos nas linhas de produção. Janeiro, normalmente, é um mês de poucas contratações, tanto que no ano passado houve queda de 0,42% ante dezembro de 2001. As empresas que mais demitiram em janeiro foram as do setor de junco (um sindicato de pequena expressão), com queda de 19,52%. Em seguida vieram as empresas do setor de artefatos e papel, com queda de 2,35%. Na outra ponta, as empresas dos sindicatos que mais contrataram foram as de matérias-primas para fertilizantes (4,22%) e de bebidas (3,92%).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.