No Dia dos Namorados, homens vão presentear mais

Neste Dia dos Namorados, os homens estão mais dispostos a presentear que as mulheres, apurou sondagem da Federação do Comércio do Estado de São Paulo (Fecomercio-SP). Do total de homens comprometidos, 72% pretendem comprar presentes, contra 61% das mulheres. O valor médio do gasto está estimado em R$ 55. A pesquisa ouviu 200 empresários e 960 consumidores do município de São Paulo.Entre as opções de presentes oferecidas no mercado, 39% escolheram peças de vestuário e calçados, enquanto 7% optaram por perfumes ou cosméticos e 5% por telefones celulares, empatados com jóias, bijuterias e DVDs ou CDs. A pesquisa mostra sintonia entre os casais, pois as escolhas entre o que comprar e o que gostariam de receber são praticamente as mesmas.Quanto à forma de pagamento, a maioria (68%) dos entrevistados pretende comprar o presente à vista (cheque, dinheiro ou cartão de débito), enquanto 28% utilizarão o cartão de crédito e 1% financiarão suas compras com cheques pré-datados ou carnês. Já a expectativa dos comerciantes ouvidos diverge. Eles acreditam que a maior parte (58%) de suas vendas será feita com cartão de crédito, 30% por meio de pagamentos à vista (cheque, dinheiro ou cartão de débito), 9% com cheques pré-datados e 7% com vendas à prestação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.