Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

No rádio, Lula pede cautela nas compras de final de ano

‘Vamos gastar o suficiente para não atropelar a esperança e o futuro de todos nós’, afirmou o presidente

Agência Estado,

20 de dezembro de 2010 | 11h43

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu hoje aos brasileiros cautela nas compras de final de ano. No seu programa semanal Café com o Presidente, Lula exaltou os números da Pesquisa Mensal de Emprego, divulgada na semana passada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e que mostra a menor taxa de desemprego do País nos últimos 8 anos, de 5,7%. Para Lula, os dados mostram que o país está em padrão de "pleno emprego".

Apesar de comemorar os dados do IBGE, o presidente pediu que as pessoas aproveitem e comprem o que quiserem comprar neste final de ano, "mas com muita responsabilidade para não se endividar, porque o mês de janeiro é sempre muito pesado, por isso é importante não perder o senso de responsabilidade nas nossas compras". E complementou: "Comprar, fazer a dívida necessária, mas sabendo que a gente precisa ter um 2011 tranquilo, portanto, não vamos passar 2011 apertado, apenas pagando o que a gente gastou em 2010. Vamos gastar o suficiente para não atropelar a esperança e o futuro de todos nós."

No programa Café com o Presidente, Lula enviou ainda a seguinte mensagem de Natal: "É importante a gente cuidar muito da família, ou seja, que a gente tenha um Natal em perfeita harmonia com a família, que a gente junte os pais, os filhos, os parentes para que a gente possa fazer uma confraternização muito forte. E a base da sociedade, na minha opinião, é a família. Se a família estiver bem, o resto vai bem."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.