Najara Araujo/Câmara dos Deputados
Najara Araujo/Câmara dos Deputados

finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

No Twitter, Maia pede renovação 'urgente' de auxílio de R$ 600

Presidente da Câmara afirma que governo 'não pode esperar mais para prorrogar auxílio'

Maria Regina Silva, O Estado de S.Paulo

20 de junho de 2020 | 19h19

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), reafirmou no início da noite deste sábado, 20,  ser favorável à prorrogação do pagamento do auxílio emergencial, destinado a trabalhadores informais e famílias de baixa renda como forma de abrandar os impactos negativos da pandemia do novo coronavírus.

"A todos que me perguntam sobre o auxílio emergencial: sou a favor da prorrogação do auxílio de R$ 600 por mais dois ou três meses", afirmou, em sua conta no Twitter. Segundo ele, todos os indicadores apontam para uma forte queda da atividade econômica no terceiro trimestre.

Maia disse acreditar que o prolongamento do plano de ajuda conta com o apoio da maioria dos deputados. "Manter esta ajuda é premente. O governo não pode esperar mais para prorrogar o auxílio. A ajuda é urgente e é agora", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.