Nossa Caixa pagará folha de servidores com recursos próprios

A Nossa Caixa pagará com recursos próprios os R$ 2,084 bilhões referentes à compra da folha de pagamento dos servidores públicos do Estado de São Paulo, informou nesta terça-feira o diretor-presidente da instituição, Milton Luiz de Melo Santos. "Temos uma situação patrimonial bastante confortável para realizar a operação", disse Santos.O pagamento será efetuado à vista ao governo paulista, mas será contabilizado no balanço do banco durante o prazo de vigência do contrato, com duração de cinco anos. Desta forma, o impacto anual da operação será de cerca de R$ 400 milhões por ano, calculou.Santos não informou quando a Nossa Caixa atingirá o breakeven da operação, mas assegurou que os modelos adotados pela instituição apontam para que isso ocorra antes do término de vigência do compromisso.Questionado sobre a possibilidade de a instituição retomar o processo da oferta secundária de ações, interrompido em outubro do ano passado, o secretário da Fazenda do Estado, Mauro Ricardo Costa, afirmou que o governo do Estado não cogita essa possibilidade. "A Nossa Caixa precisa concentrar seus esforços na retenção e fidelização dos clientes".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.